O conhecimento é um tesouro, mas a prática é a chave para alcança-lo. (Thomas Fuller)

domingo, 15 de setembro de 2013

Plataforma Escola Livre incentiva estudantes a pensarem sobre as notícias em sala de aula

Podem participar estudantes de escolas públicas e privadas de todo o país

O Sistema Educacional Brasileiro (SEB) e a Catraca Livre criaram a plataforma Escola Livre, com intuito de estimular estudantes do ensino médio e cursos pré-vestibulares a lerem, refletirem e adotarem uma postura sobre as notícias de atualidades em sala de aula.


A ferramenta de crowdsourcing será testada em concurso entre escolas públicas e particulares de todo o Brasil, em que serão selecionados vídeos criados por estudantes, sendo o primeiro tema a Copa do Mundo. Os três melhores trabalhos serão premiados e a instituição de ensino que obtiver a maior participação de seus alunos ganha uma sala de aula digital.

“Atualmente boa parte dos jovens não tem interesse em ler jornais, acompanhar noticiários e até mesmo se informar em sites de notícias. Isso é extremamente negativo para a formação dos futuros trabalhadores e cidadãos do nosso país. Além disso, cada vez mais as provas escolares, como o Enem, exigem conhecimentos sobre os acontecimentos mais recentes no Brasil e no Mundo. A Escola Livre é uma maneira de incentivar estes estudantes a serem mais participativos e a adotarem uma postura concreta e bem fundamentada acerca dos acontecimentos atuais”, explicou Rodrigo Carlomagno, um dos líderes do projeto Escola Livre.

Fonte: Eliane Tanaka (Conecte Comunicação)